Meu Primeiro Mochilão

Oláaaaaa pessoas, tudo bem ?

Como o titulo do post deixa muito claro, hoje vou falar sobre meu primeiro mochilão :))) Sim, eu fiz!

No meio de tantas duvidas, tantas vontades, desejos e medos, criei coragem e decidi fazer algo que eu apenas queria muito, antes de tomar qualquer decisão daquelas que torna a nossa vida padrão!

Bora lá, que eu vou contar como foi tudo isso!

Há muito tempo queria fazer um mochilão, como eu já tinha até falado aqui no blog. Mas eu não sabia por onde começar, não sabia como funcionava, não sabia o que fazer, e cada vez que eu pesquisava ficava mais confusa, porque é muita informação. Mas nessas pesquisas  conheci grupos e pessoas maravilhosas que me ajudaram muito, e em um desses grupos conheci uma garota que também estava afim de viajar e enfim, ali encontrei minha futura companheira de viagem! Bom, no final das contas decidimos que iriamos em fevereiro e para Buenos Aires. Admito que a Argentina nunca esteve nos meus planos para primeiro mochilão e eu nunca quis conhecer muito Buenos Aires, mas como era meu primeiro mochilão e eu não estava querendo embarcar nessa sozinha, topei BsAs, afinal de contas eu queria mesmo era estar em um lugar diferente, e já deixo claro aqui, NÃO ME ARREPENDO NADA DA ESCOLHA DO LUGAR.

Cada momento desse mochilão foi simplesmente maravilhoso. Bom, para começar conheci minha companheira de viagem só na rodoviária Tietê, detalhe: íamos de ônibus, 36 horas de viagem! kkkkkk, cansativo, porém memorável. Lá ficamos em hostel e eu conheci tanta gente incrível, pessoas de vários lugares do mundo e lugares maravilhosos, e no meio da viagem nos separamos, e eu fui para Bariloche, sozinha!!! Ali sim eu senti o Mochilão. Estar acompanhada é maravilhoso, mas estar sozinha é incrível. Ir para outro lugar, sem minha companhia brasileira… ali era falar portunhol ou falar portunhol, e nos poucos dias que estive em Bariloche aprendi mais espanhol do que os dias que estive em Buenos Aires. Fiz couchsurfing, pela primeira vez também, e foi loucura os momentos que estive sozinha em Bariloche, não tive apenas autoconhecimento, mas também autoaceitação! Essa viagem inteira foi incrível, porque poxa, estar em um país e falar apenas o portunhol, viajar 36 horas de ônibus para ir e 36 para voltar, ficar em hostel, pegar outro ônibus mais 20 e poucas horas para outra cidade e dessa vez sozinha, fazer couchsufing, estar sozinha, andar sozinha, estar apenas eu comigo mesmo! Eu me diverti, VIVI. E sem dúvida a parte mais importante para mim não foi o fato de estar em outro país, em outro lugar, mas de ter coragem e vontade de fazer tudo o que quis!  Foi uma viagem cheia de primeira vez! Me lembro que quando alguém me perguntava se eu estava sozinha e quantos anos eu tinha, e quando eu respondia “18”, as pessoas ficavam meio boquiabertas, e me diziam ” você é muito corajosa” ou “você é muito forte por fazer isso”, e nesses momentos só me dava mais vontade de continuar e de fazer mais.

Essa viagem me fez ter uma visão diferente de tudo, me fez me conhecer melhor e acima disso, me aceitar também! Claro que tenho muito o que aprender, muito o que mudar, muito o que aceitar, mas esse começo já foi incrível. E claro, depois dessa experiencia maravilhosa, eu quero mais. E recomendo para qualquer pessoa, qualquer idade, quando tiver um tempo, uma graninha, pouca que seja, viaje, vá até para a cidade vizinha passar um final de semana, mas vá com a mente aberta, preparado para qualquer coisa e afim de simplesmente viver.

E para você, menina, que tem vontade de viajar sozinha, mas tem medo, a minha dica é : – – Vai com medo mesmo, mas use-o como precaução. Não deixe o medo te parar e nem te atrapalhar, e simplesmente divirta-se.  Lembre-se de ouvir sua intuição e a razão e não pensar só com a emoção. A coisa mais importante da vida é fazer o que queremos, e quando ainda vencemos um medo, é a melhor sensação do mundo. Simplesmente VIVA.

Para se inspirar e perder um tiquinho do medo de conhecer o mundão, vou deixar aqui um link de um post “sobre o medo de viajar sozinha” do blog de uma amiga muito especial, que inclusive me ajudou muito na minha viagem:  – https://nfogaca.wordpress.com/2016/01/28/texto-sobre-o-medo-de-viajar-sozinha/

12733614_730681147067676_1881360924025081539_n
Lago Gutierrez – Bariloche
12670139_10153179622081184_1910030291214542030_n
El Caminito – Buenos Aires

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s